Por que nenhuma política de estímulo governamental é capaz de estimular a economia

Autores: Robert Higgs, Mario Rizzo, Leandro Roque A falácia da vidraça quebrada, popularizada por Frédéric Bastiat, continua sendo a metáfora perfeita para mostrar as consequências daquilo que se vê e daquilo que não se vê. Resumidamente, se um moleque quebra uma vidraça de uma padaria, obrigando seu proprietário a incorrer em gastos para trocar a vidraça, um economista…

Como os funcionários públicos se tornaram uma casta privilegiada e quase intocável

Por Guilherme Moreira Tudo começa por seus sindicatos. Ao final de novembro, o Banco Mundial divulgou um abrangente e detalhado relatório sobre o setor público brasileiro. Embora as descobertas não tenham trazido grandes novidades para quem já conhece o assunto, os números, ainda assim, impressionam. Para começar, entre 53 países pesquisados, o Brasil é o que a…

Não desfaça amizades por causa da política

Gerar divisão é exatamente o que o estado quer. . . . Por Jeffrey Tucker Por acaso a política sempre foi tão brutal assim com as amizades pessoais? Conheço várias pessoas, até então amigas entre si, que estão entrando em brigas no Facebook, em guerra no Twitter, em discussões no Instagram, e em rixas no…

O socialismo dos vouchers

Por anos, a direita tem promovido os vouchers educacionais como uma alternativa às escolas públicas. Isso sempre foi uma ilusão. As escolas que adotam os vouchers se tornam território dos reguladores governamentais, enquanto o dinheiro para os vouchers é tomado às claras dos pagadores de impostos que já foram roubados para o financiamento de escolas…

Uma universidade construída pela mão invisível

por Roderick Long [Este artigo foi publicado na primavera de 1994 na edição de Formulations da Free Nation Foundation. Tradução de Matheus Pacini; Revisão e edição de Giácomo de Pellegrini.] A história da Universidade de Bolonha oferece um exemplo de como os mecanismos da ordem espontânea essenciais ao anarquismo de mercado – mecanismos como as associações de ajuda…

O estado gera as desigualdades sociais que ele próprio alega ser o único capaz de resolver

Por Andreas Marquart O atual sistema monetário é baseado em um monopólio estatal de uma moeda puramente fiduciária.  O dinheiro é criado monopolisticamente pelo Banco Central e é em seguida entregue ao sistema bancário.  O sistema bancário, por sua vez, por meio da prática das reservas fracionárias, se encarrega de multiplicar este dinheiro (eletronicamente) por…

As quatro causas da desigualdade brasileira

Por Leandro Nrloch O texto abaixo está presente no livro Guia Politicamente Incorreto da Economia Brasileira, recém-lançado pela Editora LeYa. Que o Brasil é um dos países com maior desigualdade social todo mundo já sabe. Passamos a juventude ouvindo isso do professor de geografia ou durante a propaganda eleitoral na TV. O que se discute…